Menu

Para não esquecer Chico Mendes

Líder seringueiro ficou conhecido mundialmente e recebeu prêmio da ONU

Há cinco músicas em homenagem a Chico Mendes (de artistas como Paulo McCartney, Pepeu Gomes, grupo Maná e Sepultura). Filmes e documentários diversos falam da sua trajetória. Ele faz parte do calendário de santos da Igreja Episcopal Anglicana do Brasil e tem até uma espécie de pássaro nomeada em sua homenagem.

Chico Mendes é nome de um Instituto responsável pela gestão do Sistema Nacional de Unidades de Conservação da Natureza.

Essas são apenas algumas referências ao líder seringueiro que ficou conhecido mundialmente e recebeu prêmio da ONU.

Ainda assim, a polêmica recente envolvendo o ministro Meio Ambiente demonstra que há quem não o conheça. Para ajudarmos as comunidades escolares a não esquecerem quem foi Chico Mendes e a reconhecerem a sua importância, sugerimos alguns materiais:

A HISTÓRIA DE CHIQUINHO

O site da Biblioteca da Floresta, em Rio Branco, disponibiliza para download um livro ilustrado que conta a história de  Chico Mendes. O livro "A História de Chiquinho" tem o público infantojuvenil como alvo e está disponível em outras mais de cinco mil bibliotecas em todo o mundo.

A obra foi produzida em parceria do Instituto Chico Mendes e o cartunista Ziraldo, com o objetivo de aproximar a luta de Chico Mendes pela preservação da natureza dos mais jovens.

 

CHICO, HOMEM DA FLORESTA

A autora Lúcia Fidalgo conta a história de uma maneira leve e divertida em "Chico, homem da floresta" (2006, Paulus), dando ênfase no amor do personagem principal pela natureza. O livro conta com as ilustrações do artista plástico Demóstenes Vargas e apresenta a trajetória de Francisco Alves Mendes Filho desde a infância, quando se apaixona pelas belezas naturais de sua terra, passando pelos feitos quando Chico era sindicalista e termina com o relato do assassinato do líder. O livro transmite várias mensagens às crianças, do amor e o respeito do ser humano pela natureza até a não desistência na luta por causas justas.

 

A HISTÓRIA DE CHICO MENDES PARA CRIANÇAS

O livro de Fátima Reis, "A História de Chico Mendes" para crianças (2010, Prumo)  narra a luta de Chico Mendes por seu maior ideal: a preservação da Amazônia e como isso acabou provocando a sua morte.

 

CHICO MENDES, CRIME E CASTIGO

Em "Chico Mendes, crime e castigo" (2003, Companhia das Letras), o jornalista Zuenir Ventura, que fez a cobertura do assassinato do sindicalista, descreve que ele desenvolveu táticas pacíficas de resistência para defender a floresta, que a partir da década de 70 sofrera um acelerado processo de desmatamento para dar lugar a grandes pastagens de gado.

 

A HISTÓRIA DE CHICO MENDES - DOCUMENTÁRIO

Cartas, bilhetes e entrevistas mostram como Chico Mendes -- criado longe dos bancos da escola -- aprendeu a ler, a escrever e se tornou o maior líder seringueiro que o Brasil já conheceu. Além de testemunhar a luta dos seringueiros contra a pressão do latifúndio e a devastação da floresta. 

 

CHICO MENDES NA ECO SENADO

O programa EcoSenado da TV Senado conta a trajetória de Chico Mendes e relembra a sua luta em defesa dos povos da floresta amazônica. Em 2008, a equipe da TV Senado foi a Xapuri no Acre resgatar a história do líder seringueiro assassinado há 25 anos.

 

CHICO MENDES: PARA NUNCA ESQUECER

Famoso pela maneira didática e leve de desenvolver os seus vídeos, o canal do YouTube Meteoro aproveitou a deixa e também resgatou o conteúdo sobre Chico Mendes.

 

mail O conteúdo sobre Chico Mendes é gigante. se você tiver alguma sugestão para apresentar, faça contato pelo e-mail sinprocaxias@gmail.com.